terça-feira, 13 de outubro de 2009

Arroz de Cabidela á Esquisitices



Aqui na minha terra usam-se muito os sarrabulhos, que eu adoro, é o arroz, são as papas, tudo isto são tradições que se agarram. Quando a minha "mummy" chegar hei-de publicar os sarrabulhos cá de casa, são deliciosos...
Este não é o típico arroz de cabidela Bracarense, eu alterei-o um pouco para agradar a todos. O tradicional tem o frango estufado á parte. Todos os esquisitos cá de casa gostam, portanto quando o faço não á guerra á mesa, paz...

Ingredientes:

Para 4 pessoas

3 peitos de frango do campo
1 cebola
1 dente de alho
1 folha de louro
75 gr de bacon aos cubos
vinho branco
1 cubo de caldo de galinha
sal e piripiri q.b.
colorau
300 gr de arroz agulha
1 saco de sangue de frango fresco
vinagre
azeite

Preparação:

Faça um refogado com a cebola, o alho, a folha de louro e azeite, quando dourado deite um copo pequeno de vinho branco. Junte então os peitos de frango partidos ao meio, tempere com sal, piripiri, colorau, e o cubo de caldo. Deixe a cozer em lume brando cerca de 30 minutos.
Quando passados, retire e com a ajuda de dois garfos, esfie o frango. Enquanto o faz deixe o bacon a refogar no molho do frango.
Volte a juntar o frango ao preparado, deixe levantar fervura e adicione água suficiente para cozer o arroz, de forma a que fique malandrinho. Deixe ferver.
Junte então o arroz, quando ferver colocar em lume brando para cozer.
Enquanto, coloque o sangue numa tigela e misture-lhe vinagre a gosto.
Quando o arroz estiver cozido adicione o sangue aos poucos, mexendo muito bem para que todo o arroz fique da cor castanha, deixe levantar fervura novamente e sirva de imediato.

2 comentários:

disse...

eu adoro sarrabulho... infelizmente a era de criar porcos de os matar foi substituida pelos hipers... já não como disso a algum tempo... muito tempo... geralmete acompanhamos apenas com batatas cozidas.
Esse arrozinho é bem parecido com arroz de cabidela... deve ser maravilhoso.

Smsn - artes e ideias disse...

ficou xom optimo aspecto

smsn.artes